De trem na Europa

Trem em Paris

Hoje eu preciso comemorar! Afinal fiquei sem escrever no meu blog durante quase um ano. Mudanças no trabalho e adaptações ao novo cargo, exigiram uma dedicação maior, o que é normal. O importante, é que agora estou voltando, e vou poder compartilhar a experiência da última viagem que fiz pela Europa, que é claro, foi O MÁXIMO!
No final do ano passado, eu e meu marido saímos de férias, e decidimos que o nosso destino seriam 4 cidades da Europa: Barcelona, Paris, Amsterdam e Londres.

Muitos são a favor dos voos low cost, em companhias como Easyjet, Ryanair, o que eu também concordo que seja uma excelente opção, se você não estiver com muitas malas, é claro. Ao pegar um voo deste tipo, sempre observe também em qual aeroporto é a chegada: muitos se situam bem distantes das cidades, e o gasto com taxi, onibus ou trem, tem que ser sempre computado. Além do tempo despendido.

Nós escolhemos o trem para nos deslocarmos entre as cidades. Apesar de atualmente a passagem de trem na Europa não ser tão barata quanto antigamente, este meio de transporte tem uma série de vantagens, que faço questão de enumerá-las aqui:

TREM

1) Deslocamento fácil e sem burocracias: na maioria das estações, você já leva seu ticket impresso de casa, e vai direto a plataforma de embarque, e aguarda o seu trem, super tranquilo. Chegando meia hora antes do horário do trem, está perfeito! Ao chegar o trem, você mesmo entra com sua bagagem, a acomoda no seu vagão destino, no compartimento de malas, e procura seu assento, simples assim.

TREM

É claro, que se você estiver com uma mala relativamente grande, procure sempre ser uma das primeiras pessoas a entrar no vagão, para conseguir utilizar os compartimentos de mala inferiores. Se você tiver que colocar a mala na parte superior, terá que chamar o HULK para te ajudar! hahahahahaha
Para ter uma idéia de como são os compartimentos, veja a foto abaixo:

2) Poltronas extremamente confortáveis, totalmente diferentes da classe econômica de qualquer voo, que humilha o melhor dos mortais! hahahahah Além disso, como a diferença entre primeira e segunda classe não estavam tão discrepantes, comprei todos os bilhetes de primeira classe, o que inclui uma refeição ou um lanchinho, e que foi muito bom em todos os trajetos.

Poltrona

TREM

TREM

3) Como fizemos todos os trajetos diurnos, pudemos apreciar a vista, e ver a diferença entre as paisagens. Fantástico! Mas é claro, se a sua escolha for o trem noturno, a parte da paisagem não vai rolar: mas dormir com o balancinho do trem é show de bola também não?

TREM

4) As estações de trem são interligadas com o metrô, o que permite que você saia do trem, já compre os passes de metrô, e vá direto para o seu hotel, economizando muito, quando comparado a qualquer taxi, e ainda chegando ao destino extremamente rápido. Para este tipo de deslocamento é super importante que você tenha apenas uma mala, e no máximo uma mochila com você. Não tivemos problemas em utilizar elevador e escadas rolante na maioria das estações: no entanto, existem algumas em que é necessário subir de escada, e aí, esteja preparado fisicamente, ou reze para alguém te ajudar! hahahahaha

5) No trem não existe controle de peso das bagagens, o que é uma extrema vantagem sobre os voos low cost, já que geralmente eles cobram EUR 10 por Kg no excesso de bagagem, se você não adquirir antes, na compra do ticket. Tem que fazer conta, e considerar tudo se ainda estiver na dúvida.

Todo mundo deve ter aquela eterna dúvida: compro o Eurail pass ou não? Acredito que se o seu objetivo é um mochilão, em que você não tem locais certos já reservados, e desta forma, não tem compromisso com horário, e além disso, vai fazer muitos países, com certeza entendo que seja a melhor opção. No entanto, no meu caso, já tínhamos a viagem com todas as hospedagens já reservadas, já que viajei em janeiro, e não dá para deixar para ver na hora. Como com o Eurail pass, eu não tenho a reserva garantida nos trens, e muitas vezes para fazê-la, é necessário pagar uma taxa, preferi entrar no site, e comprar diretamente, já com a reserva do assento. Entendo que seja bem mais prático e eficiente neste tipo de viagem.

A aquisição dos tickets diretamente do site me deu um pouco de trabalho, até entender como eram as acomodações, quando estavam disponíveis para a venda, e quais eram os sites corretos para adquirí-los. Mas eu vou detalhar tudinho aqui, assim fica bem mais fácil para quem quiser fazer da mesma forma! A maioria das companhias ferroviárias abrem as vendas de suas passagens, em média, uns 3 meses a frente. Portanto, como estamos em junho, você consegue adquirir tickets até setembro: tickets após esta data, você terá que esperar.

1) Trem da Espanha para Paris:
Empresa: RENFE
Site: RENFE
Duração da viagem: 6 horas
Valor da passagem (jan/2014): EUR 221

2) Trem de Paris para Amsterdam:
Empresa:Thalys
Site: Thalys
Duração da viagem: 3 horas e 20 minutos
Valor da passagem (jan/2014): EUR 79

3) Trem de Amsterdam para Londres:
Empresa: Thalys
Site: Thalys
Duração da viagem: 4 horas e 30 minutos
Valor da passagem (jan/2014): EUR 109
Neste trem de Amsterdam para Londres, existe uma conexão em Bruxelas, onde você troca de trem. Além disso, existe uma fiscalização forte na estação de Bruxelas, quando você desce do trem de Amsterdam, com muitos policiais e cachorros na busca de drogas, já que a maconha é liberada na Holanda. Se o cachorrinho chegar perto de você e latir, pode ter certeza que NÃO é porque ele gostou de você! hahahahahahahaha
De Bruxelas a Londres, o trem vai pelo canal da mancha, e você não consegue ver absolutamente nada, já que atravessamos o canal pelo famoso eurotunel.

É importante lembrar, que para entrar em Londres, você passa pela alfandega. Nos demais países da comunidade econômica européia, estando em voo interno ou trem, não existe este procedimento.

Eu recomendo o uso do trem, sem dúvida alguma, e retornando a Europa, vou utilizar novamente com certeza!

Qual a sua experiência com trens? Me conta!

Enjoy it!

Anúncios


Categorias:Europa GERAL

Tags:, , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

passaporte no bolso

Blogue de viagens

Cantinho da Viagem

Seguindo o mapa das nuvens e navegando um barco bem vagaroso....

spottedsp.wordpress.com/

Um guia fácil de experiências inesperadas para quem está cansado de ir sempre nos mesmos lugares em SP

planejandoaviagem.wordpress.com/

Dicas de como planejar viagens por conta própria

%d blogueiros gostam disto: